AVISO: Você deve habilitar Javascript no seu navegador para ver este conteúdo corretamente.

Imagem de fundo da barra do MPF

Ir para o conteúdo. | | Ir para a navegação

Logo da PRRJ
 
Imagem do logo da PRRJ
Imagem do logo do Youtube | Imagem do logo do twitter | Imagem do logo do rss
Você está aqui: Página Inicial Sala de Imprensa Eventos e Audiências MPF realiza audiência pública para debater crise hídrica

MPF realiza audiência pública para debater crise hídrica

11/03/2015

O Ministério Público Federal (MPF) no Rio de Janeiro realiizou uma audiência pública, no dia 11 de março, para tratar do impacto da crise hídrica no Estado do Rio de Janeiro, das medidas de enfrentamento adotadas pelas autoridades públicas e do papel do MPF no tratamento do tema. A audiência foi aberta à participação do público (limitada ao número disponível de cadeiras no auditório).

 

Veja aqui o edital da audiência.

Confira aqui a transcrição do vídeo da audiência pela manhã.

Confira aqui a transcrição do vídeo da audiência pela tarde.

 

A audiência pública é uma forma de tentar reunir esforços para dar resposta à grave crise hídrica no Estado do Rio de Janeiro. Os reservatórios de Paraibuna e Santa Branca, pertencentes ao sistema, já se encontravam abaixo das cotas correspondentes aos níveis mínimos de água, enquanto que os reservatórios dos aproveitamentos Jaguari e Funil estavam próximos dos limites de seus respectivos volumes úteis. De acordo com estudos apresentados pelo ONS, citados na recomendação, se mantidas as afluências médias mensais de 2014 em Santa Cecília, as chamadas reservas técnicas (volumes mortos) ainda existentes nos reservatórios se esgotarão até o final do ano, mesmo se a afluência for reduzida de 190 m3/segundo (vazão mínima histórica) para 130 m3/segundo.

 

Confira aqui as documentações relacionadas à audiência pública.

 

Dia: 11 de março de 2015

Horário: 8h30 às 18h30

Local: Procuradoria da República no Rio de Janeiro

Endereço: Avenida Nilo Peçanha, 31/ 6º andar, auditório - Centro

 

AUTORIDADES CONFIRMADAS

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE

- Ney Maranhão (Secretário de Recursos Hídricos e representante do Conselho Nacional dos Recursos Hídricos)


AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS – ANA

- Vicente Guillo (Diretor-Presidente)

SECRETARIA DE ESTADO DO AMBIENTE – SEA

- Antônio Ferreira da Hora (Secretário Estadual em exercício)
- Eliane Barbosa (Diretora de Gestão das Águas e do Território)
- Rosa Formiga (Superintendente de Articulação Institucional)
- José Edson Falcão de Farias Jr. (Coordenador de Planejamento e Projetos Técnicos)
- Moema Versiani Acselrad (Gerente de Instrumentos de Gestão de Recursos Hídricos)

COMITÊ DE INTEGRAÇÃO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO PARAÍBA DO SUL - CEIVAP E ASSOCIAÇÃO PRÓ-GESTÃO DAS ÁGUAS DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO PARAÍBA DO SUL - AGEVAP 

- Danilo Vieira Júnior (Presidente do CEIVAP)
- André Marques (Diretor Presidente da AGEVAP)
- Maria Aparecida Pimentel Vargas (representante da empresa Energisa Soluções)

CEDAE

- Jorge Luiz Ferreira Briard (Presidente)
- Heleno Silva De Souza (Diretor de Distribuição e Comercialização do Interior)
- Edes Fernandes De Oliveira (Diretor de Produção e Grande Operação)

CONSELHO ESTADUAL DE RECURSOS HÍDRICOS

- Décio Tubbs (Representante do CERHI-RJ)

INSTITUTO ESTADUAL DO AMBIENTE - INEA

- Eliane Barbosa (Diretora de Gestão de Águas e Território do INEA)


FUNDAÇÃO RIO-ÁGUAS

- João Luiz Reis (Presidente)
- Paulo Fonseca (Assessor)

ESPECIALISTAS

- Prof. Dr. Adacto Ottoni (professor adjunto e Coordenador do Curso de Especialização em Engenharia Sanitária e Ambiental da UERJ)
- Prof. Dr. Paulo Canedo (professor do Laboratório de Hidrologia da COPPE - UFRJ)


Assessoria de Comunicação Social

Procuradoria da República no Estado do Rio de Janeiro

Tels.: (21) 3971-9488/9460

www.prrj.mpf.mp.br

MPF investiga construção de aeródromo no Norte Fluminense

Menu