AVISO: Você deve habilitar Javascript no seu navegador para ver este conteúdo corretamente.

Imagem de fundo da barra do MPF

Ir para o conteúdo. | | Ir para a navegação

Logo da PRRJ
 
Imagem do logo da PRRJ
Imagem do logo do Youtube | Imagem do logo do twitter | Imagem do logo do rss
Você está aqui: Página Inicial FrontPage Notícias MPF busca preservação de palácio em Petrópolis
Ações do documento

MPF busca preservação de palácio em Petrópolis

publicado em 27/07/2006

O Ministério Público Federal em Petrópolis (RJ) investiga a deterioração do Palácio Grão-Pará, um dos prédios mais antigos do centro histórico da cidade. O imóvel, tombado desde 1959, tem problemas de umidade, pintura desgastada e rachaduras. Nas duas últimas semanas, o MPF obteve a redução do número de ônibus que circulam no local, pois o intenso tráfego de veículos pesados era uma das causas dos danos ao imóvel, segundo seus proprietários, descendentes de Dom Pedro.

A diminuição do tráfego foi conseguida em reuniões com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e a Companhia de Trânsito de Petrópolis (Cptrans). Nelas, fechou-se um acordo para que a Cptrans reduzisse em pelo menos 30% o número de ônibus na área com a inauguração do novo terminal na antiga rodoviária, o que ocorreu no último dia 16. Além disso, a Cptrans deverá mudar o trajeto de ônibus maiores quando for concluída uma obra na Rua do Imperador.

A deterioração desse patrimônio histórico nacional é investigada pelo procurador da República Fabiano de Moraes desde setembro de 2005, quando foi instaurado um procedimento administrativo encaminhado pelo Ministério Público Estadual. Em vistoria solicitada ao Iphan, foram constados os problemas na estrutura do Palácio Grão-Pará.

“Identificamos que o primeiro passo para preservar o Palácio Grão-Pará era limitar o tráfego de veículos pesados no local. Numa próxima etapa, focaremos os compromissos dos donos do imóvel”, afirma o procurador da República Fabiano de Moraes.

Esses compromissos incluíram a elaboração de um parecer técnico sobre as condições de integridade e segurança do telhado do Palácio Grão-Pará. Também foram realizados os serviços de impermeabilização e troca de piso das áreas descobertas no pavimento superior.

registrado em:
Menu